2007/06/12

À Amizade


Amores que vêm e vão,
vidas que se cruzam e se esquecem,
anos que passam e que marcam,
batalhas que travamos, dores que suportamos.
Quedas brutais, abismos profundos,
vitórias finais, alegrias e triunfos.

Tudo isto é a nossa vida.
Inconstância e incerteza.
Para mim, a única coisa eterna é a amizade.
E sem ela, a vida não seria suportável.

Para os meus amigos...
Obrigada ;)


PS: e mil desculpas aos que me visitam.

Espero em breve colocar coisas novas.

2 comentários:

Catarina disse...

Concordo completamente, acima de tudo está a AMIZADE verdadeira. Sabes que podes contar sempre com esta AMIGA...Se é p rir, rimos, se é p chorar, choramos!!! Mas umas palhaçadas e gargalhadas são sempre melhores. Principalmente acompanhadas de umas cervejinhas, tremoços e caracois :-)
Beijinhos
Cat

Sílvia disse...

Então...este poema é para mim!
Muito obrigada AMIGA!

A Verdadeira Amizade de facto, é muito importante, mas também nunca devemos permitir que as tristezas do passado e as incertezas do futuro, nos estraguem a alegria do presente!

Bjinhos,
Sílvia Miranda